O que significa pagão?

Na Bíblia, pagão significa uma pessoa com outra religião, que adora deuses falsos. Os pagãos não adoravam o Deus verdadeiro. As religiões pagãs desviavam o povo para o pecado da idolatria.

Normalmente os pagãos eram pessoas de outros povos, que não adoravam o Deus de Israel. Quando os israelitas se desviavam de Deus, eles se viravam para os deuses pagãos (2 Reis 23:5). Mas esses deuses eram falsos, fruto da imaginação das pessoas. Os ídolos eram apenas imagens sem poder.

Veja também: quem eram os gentios na Bíblia?

Os pagãos tinham muitas práticas que Deus detesta. Eles adoravam vários deuses falsos e muitos também adoravam elementos da natureza, como o sol e as estrelas. Os pagãos praticavam feitiçaria e pensavam que podiam manipular seus deuses com as orações certas (Deuteronômio 18:10-12). Alguns rituais pagãos promoviam a imoralidade sexual e a libertinagem.

O paganismo e a Bíblia

O grande problema do paganismo é que promove mentiras. Ídolos e deuses falsos não têm poder mas rituais pagãos abrem as pessoas à influência destrutiva de demônios (1 Coríntios 10:19-20). O diabo é o pai da mentira.

A natureza é maravilhosa mas não é divina. A natureza foi criada por Deus para ser dominada por nós, não para ser adorada. Devemos adorar o Criador, não a criação.

As práticas pagãs muitas vezes levavam a excessos, como orgias e bebedeiras. Pensando que eram livres, os pagãos se tornavam escravos do pecado, com muitas consequências negativas para suas vidas (1 Pedro 4:3-5). Quem se converte e ama a Deus tem uma vida diferente. A verdadeira liberdade não está nos excessos. A verdadeira liberdade é dizer não às coisas que fazem mal.

Veja aqui: o que é libertinagem?

Há apenas um Deus. Os pagãos não reconheciam o Deus verdadeiro nem obedeciam a Ele. Os rituais pagãos prometiam poder e liberdade mas na verdade causavam muitos problemas na vida das pessoas e levavam à desgraça. Apenas Deus tem tudo aquilo que precisamos.