Como foi a luta entre Davi e Golias?

A luta entre Davi e Golias foi uma prova do poder da fé. O jovem Davi venceu Golias, o guerreiro experiente, porque confiava em Deus.

Golias, o guerreiro invencível

Golias era um guerreiro filisteu conhecido por seu tamanho muito grande. Ele tinha quase três metros de altura! Sua armadura muito pesada cobria quase todos os pontos fracos e ele estava armado com uma lança, um dardo e uma espada. Seu equipamento era feito de bronze, um metal muito bom para criar armas e que pouca gente sabia usar nessa altura (1 Samuel 17:5-7). Golias era o guerreiro ideal, com todo o equipamento mais avançado da época.

Quando os filisteus se juntaram para lutar contra os israelitas, os dois exércitos acamparam cada um em uma colina, com um vale entre eles. Os filisteus enviaram seu campeão Golias para desafiar o campeão dos israelitas a um duelo (1 Samuel 17:8-9). Mesmo não cumprindo o acordo de se renderem ao vencedor, o exército do campeão que perdesse ficaria desmoralizado e certamente perderia a guerra.

Veja também: quem eram os filisteus?

Nenhum dos guerreiros israelitas queria lutar contra Golias. Ele era demasiado forte para ser vencido. Nem mesmo o rei Saul, que era muito alto, teve coragem de enfrentar Golias (1 Samuel 17:11). Durante 40 dias Golias esperou por um adversário.

Davi, um jovem com fé

Davi era um pastor de ovelhas. Seus três irmãos mais velhos estavam no exército de Saul e seu pai, já idoso, queria notícias deles. Ele enviou seu caçula Davi para descobrir se estavam bem. Quando Davi chegou ao campo de batalha, ele ouviu o desafio de Golias. Davi ficou indignado com a arrogância de Golias e decidiu lutar contra ele (1 Samuel 17:25-26).

O rei Saul ouviu que Davi queria enfrentar Golias e o chamou a sua presença. Ele viu que Davi era jovem e sem experiência como guerreiro e não acreditou que ele poderia sobreviver. Mas Davi explicou que ele já tinha lutado com leões e ursos enquanto protegia suas ovelhas. Ele acreditava que Deus também o podia ajudar a vencer Golias (1 Samuel 17:36-37).

Vendo a confiança de Davi, Saul lhe deu armadura para se proteger mas Davi não conseguia andar com ela (1 Samuel 17:38-39). Davi decidiu levar apenas seu cajado, cinco pedras lisas e sua atiradeira. Sem proteção nenhuma, Davi foi enfrentar o gigante!

Descubra aqui: 3 influências positivas na vida de Davi

O confronto

Quando Golias viu o jovem Davi de cajado na mão, ele zombou dele. Golias prometeu matar Davi e dá-lo de comer aos animais. Cheio de coragem, Davi respondeu que seria ao contrário. Ele iria matar Golias e dá-lo de comer aos animais. Golias confiava em sua força e suas armas avançadas mas Davi confiava em Deus, que não precisa de força humana para vencer (1 Samuel 17:46-47).

Golias avançou e Davi correu para enfrentá-lo. Ele colocou uma pedra em sua atiradeira e atirou contra o gigante. A pedra acertou na testa de Golias, que caiu para o chão sem dar mais sinais de vida. Davi correu, tirou a espada de Golias e o decapitou.

Quando os filisteus viram que Golias estava morto, eles fugiram e os israelitas os derrotaram (1 Samuel 17:51-52). A partir daí, Davi se tornou um guerreiro famoso, sempre com fé em Deus.

Quer saber mais sobre a vida de Davi? Veja aqui a história da vida de Davi.