Quem era Pedro na Bíblia?

Pedro era um dos 12 apóstolos, que muitas vezes servia como porta-voz dos discípulos. Ele era um dos discípulos mais próximos de Jesus e foi um dos grandes líderes da igreja primitiva. Pedro escreveu duas cartas, que estão na Bíblia (1 e 2 Pedro).

Pedro, discípulo de Jesus

Pedro, também chamado Simão, era um pescador que tinha um pequeno negócio em parceria com seu irmão André e dois amigos, Tiago e João. André introduziu Pedro a Jesus e, mais tarde, quando Jesus o chamou, Pedro deixou tudo para ser seu discípulo (Lucas 5:9-11). Jesus escolheu Pedro para ser um de seus 12 apóstolos, que receberam um treinamento especial para serem líderes.

Veja aqui: quem foram os 12 apóstolos?

Pedro se destacou entre os discípulos por ser ousado e falar o que todos estavam pensando. Ele era impulsivo, fazia tudo com entusiasmo e amava Jesus ferozmente. Pedro tinha a personalidade de um líder mas ainda não era maduro.

Pedro era um dos discípulos mais íntimos de Jesus e presenciou eventos especiais, que nem todos os apóstolos viram. Junto com Tiago e João, Pedro viu a transfiguração de Jesus e a ressurreição da filha de Jairo (Marcos 9:2). Pedro era mais que aluno, ele era amigo de Jesus.

Pedro reconheceu que Jesus era o Cristo, o Filho de Deus, mas não entendia que Jesus tinha que morrer e queria protegê-lo a todo custo (Mateus 16:15-17). Ele estava pronto para morrer para defender Jesus e até tentou salvar Jesus quando foi preso. Mas Jesus impediu Pedro de seguir o caminho da violência (João 18:10-11).

Quando Jesus foi preso, Pedro perdeu a coragem e negou Jesus três vezes. Seu coração era sincero mas nesse momento ele tropeçou. Logo Pedro se arrependeu de suas palavras e ficou muito triste (Lucas 22:60-62).

Pedro, líder da igreja

Quando Jesus ressuscitou, Pedro foi o primeiro a entrar no túmulo vazio para ver. Mais tarde, Jesus apareceu na praia e conversou com Pedro. Três vezes Pedro disse que amava Jesus e Jesus o mandou cuidar de suas ovelhas (João 21:17). Daí em diante, Pedro foi uma pessoa diferente.

No dia de Pentecostes, quando os discípulos receberam o Espírito Santo, Pedro pregou o evangelho e 3000 pessoas se converteram! A partir daí, Pedro começou a falar corajosamente sobre Jesus por toda a parte (Atos dos Apóstolos 2:37-39). Deus usou sua ousadia e coragem, junto com o poder do Espírito Santo, para estabelecer a igreja no seu início.

Veja também: Pedro foi o primeiro Papa?

Mesmo correndo risco de morrer, Pedro continuou pregando. De início, ele só pregava para judeus mas depois Deus lhe revelou que o evangelho é para todos. Pedro teve de aprender a largar o preconceito e a preocupação com a opinião dos outros (Atos dos Apóstolos 10:27-28).

Com o tempo, Pedro amadureceu e seus traços mais impulsivos e violentos desapareceram. Pedro foi um exemplo de coragem mas também de humildade, reconhecendo e corrigindo seus erros. Deus usou Pedro de maneira poderosa para levar o evangelho a muitas pessoas.