Qual é o significado de "no princípio era o Verbo"?

O evangelho de João abre com a declaração que “no princípio era o Verbo”. O significado disso está explicado a seguir e mostra que Jesus é Deus. Em outras traduções, a palavra “verbo” é traduzida como “palavra”.

Jesus é o Verbo, ou a Palavra. Tudo que João 1 fala sobre o Verbo se refere a Jesus. Essa passagem nos mostra a relação de Jesus com Deus Pai e com cada um de nós. Para entender melhor o significado disso, é preciso ver o contexto:

No princípio era o Verbo

Antes de qualquer outra coisa existir, Deus já existia. Ele é eterno, sem começo nem fim. Foi Ele que criou tudo que existe no princípio, através de Sua Palavra (Gênesis 1:3). Deus falou e tudo se formou! A Palavra de Deus é Seu poder ativo sobre o mundo.

João 1:3 diz que, sem a Palavra de Deus, nada pode existir. Do nada, nada surge. Tudo foi formado pela Palavra poderosa de Deus.

O Verbo estava com Deus e era Deus

A segunda parte de João 1:1 apresenta o Verbo, ou a Palavra, como algo intimamente ligado a Deus. A Palavra de Deus é Deus. Não podemos separar Deus de Seu poder ativo. Sua Palavra, suas ações têm vida e são parte dele!

Veja também: por que Jesus era o Verbo?

O Verbo se fez carne

A Palavra de Deus se tornou um homem! Deus falou e Sua Palavra, que é parte dele, se tornou uma pessoa de carne e osso (João 1:14). E essa pessoa era Jesus. Todo o poder de Deus está em Jesus, porque ele é a Palavra de Deus. Jesus é Deus agindo sobre o mundo, Se relacionando conosco.

Deus veio à terra para nos salvar. Ele não confiou o trabalho a nenhum anjo ou outra pessoa. Ele usou Seu poder criador para tomar a forma de um homem e viver entre nós, mostrando o caminho da salvação. É por isso que Jesus é a representação exata de Deus, porque ele é Deus em forma humana (Hebreus 1:3). E, como homem, Deus se identificou conosco e mostrou Seu grande amor por nós.