Quem era o jovem rico que conversou com Jesus?

O jovem rico era um judeu de classe alta, um homem importante em sua sociedade. Ele procurava viver de acordo com os mandamentos de Deus e queria saber como receber a salvação. Por isso, ele foi para Jesus. Mas a resposta de Jesus mostrou um grande problema na vida do jovem rico: seu amor à riqueza.

Certa vez, durante o ministério de Jesus, um jovem rico veio falar com ele. Ele se pôs de joelhos diante de Jesus e lhe perguntou o que precisava fazer para herdar a vida eterna. Jesus observou que o jovem lhe tinha chamado de “bom mestre” e respondeu que só Deus é bom (Marcos 10:18-19). Depois ele lembrou os Dez Mandamentos ao homem.

O jovem rico respondeu que ele conhecia e obedecia aos mandamentos de Deus desde novo. Jesus sentiu amor pelo jovem e lhe contou o que faltava para ele ser salvo: deveria vender tudo que tinha e dar o dinheiro aos pobres. Depois, deveria seguir Jesus. Ouvindo isso, o jovem se foi embora triste, porque tinha muitas riquezas e não queria ficar sem elas (Marcos 10:21-22).

Quando o jovem se foi embora, Jesus disse aos seus discípulos que é muito difícil um rico entrar no Céu (Mateus 19:23-24). Isso deixou os discípulos na dúvida: será que é possível entrar no Céu? Então Jesus lhes disse que todas as coisas são possíveis para Deus, até mesmo o que é impossível em termos humanos! Pedro mencionou que ele e os outros discípulos tinham deixado tudo para o seguir e Jesus lhes assegurou da recompensa eterna (Lucas 18:28-30).

A Bíblia não nos conta mais sobre o jovem rico nem sobre o que lhe aconteceu depois desse encontro com jesus.

Veja também: cristão pode ser rico?

Por que Jesus disse para o jovem rico vender tudo que tinha?

Jesus sentiu amor pelo jovem rico, que estava se esforçando tanto para agradar a Deus e herdar a vida eterna. Por isso, ele lhe mostrou a área que precisava ser tratada em sua vida para ser realmente salvo. Faltava vencer seu amor ao dinheiro. O jovem rico era demasiado apegado à sua riqueza.

Jesus não estava ensinando que é preciso doar dinheiro para ser salvo. Ninguém pode comprar a salvação. Esse é um presente gratuito de Deus. Ele nos salva sem nós merecermos, simplesmente porque nos ama (Efésios 2:8-9). A quantidade de dinheiro que ganhamos ou doamos é irrelevante para a salvação.

Amar a Deus sobre todas as coisas significa que nada é mais importante do que Ele. Às vezes enfrentamos escolhas difíceis, em que seguir Jesus significa perder as coisas que temos, como o dinheiro, a família ou o emprego. Nesses momentos temos de decidir se Jesus é mesmo o mais importante em nossa vida. O jovem rico provavelmente não tinha reparado, mas sua riqueza se tinha tornado um ídolo, algo que era mais importante para ele do que Deus. Ele precisava aprender a valorizar o dinheiro menos e a colocar toda sua confiança em Deus.

Leia aqui mais: o que significa amar a Deus sobre todas as coisas?

A história do jovem rico é uma parábola?

Não, a história do jovem rico não é uma parábola. Parábolas são pequenas histórias inventadas para explicar verdades complexas de maneira fácil de entender. A história do jovem rico aconteceu de verdade. Ele era uma pessoa real, que se encontrou com Jesus no tempo em que Jesus estava viajando de cidade em cidade, pregando e curando. Jesus usou essa situação real para dar um ensinamento valioso sobre a riqueza e o amor a Deus, mas não foi uma parábola.