Porque Jesus disse: vigiai e orai?

Jesus nos disse para vigiar e orar porque nossa carne é fraca e enfrentamos muitas tentações. Quando vigiamos e oramos, ficamos mais fortes para resistir à tentação.

Na noite em que foi preso, Jesus foi para o jardim do Getsêmani com seus discípulos para orar. Mas, enquanto ele orava sozinho, os discípulos adormeceram. Quando voltou, Jesus repreendeu os discípulos e os avisou que deveriam vigiar e orar, para não caírem em tentação (Mateus 26:40-41). No entanto, eles adormeceram outras duas vezes!

Os discípulos não vigiaram e, quando chegou a hora de Jesus ser preso, todos fugiram e Pedro até negou Jesus três vezes. Eles não estavam prontos, por isso foram apanhados de surpresa.

O espírito e a carne

Jesus disse “vigiai e orai” porque todos enfrentamos uma luta entre a carne e o espírito (Gálatas 5:16-17). Nosso espírito quer as coisas de Deus e se alegra com a justiça e o bem. Mas nossa carne ainda sofre tentações e se inclina para o mal. A carne significa nossa natureza humana, que ainda é influenciada pelo pecado e suas consequências.

Em nosso espírito, estamos prontos para servir a Deus e obedecer a Seus mandamentos. Mas nossa carne é fraca e, se não tomarmos cuidado, pode cair no pecado. Enquanto não chegamos à vida eterna, sempre teremos uma luta com a carne. Por isso, Jesus nos disse:

Vigiai

Vigiar significa ficar atento. Precisamos estar vigilantes porque o diabo está sempre procurando maneiras de nos destruir (1 Pedro 5:8). Os ataques e as tentações podem surgir quando e onde menos esperamos. Quando baixamos a guarda, ficamos mais vulneráveis aos ataques.

Uma parte importante de vigiar é reconhecer nossas próprias fraquezas. Quando sabemos onde sentimos mais tentação, podemos evitar situações perigosas e criar soluções. Cada pessoa tem fraquezas da carne diferentes, por isso esse trabalho é muito pessoal. Para uma pessoa, vigiar poderá significar evitar usar o computador sem supervisão, mas para outra poderá ser evitar a ala dos doces no supermercado!

Vigiar também implica estar atento à voz de Deus. Quando lemos a Bíblia e nos reunimos com a igreja, nossa atenção se centra mais nas coisas de Deus. Através da Bíblia aprendemos a vigiar e a vencer a tentação, vivendo para Deus.

Veja também: como vencer a tentação?

Orai

Orar e vigiar estão intimamente ligados. Orar é uma forma ativa de vigiar. Quando oramos, colocamos nossas vidas diante de Deus, para sermos guiados por Ele. A oração nos ajuda a dominar a carne.

Jesus nos ensinou a orar por ajuda para vencer a tentação (Mateus 6:13). Não lutamos sozinhos! A força para vencer vem de Deus. Na oração submetemos nossa carne à vontade de Deus. Isso nos torna fortes para dizer não ao pecado e escolher o bem.

Leia aqui mais: por que devemos orar?

A oração também é importante quando caímos em tentação. Podemos orar por perdão, capacidade para consertar nossos erros e força para vencer da próxima vez. Deus sempre perdoa quem se arrepende (1 João 1:9).

Vigiar e orar são a base de uma vida de vitória contra a tentação!