Como deve um cristão celebrar a Páscoa?

Pr. Marcelo Teixeira Mallet
Pr. Marcelo Teixeira Mallet
Pastor Batista

Para o cristão, o foco da Páscoa deve ser a morte e a ressurreição de Jesus, o evento mais importante da história da humanidade. É um tempo para lembrar esse milagre e agradecer a Deus pela salvação.

Celebrar a Páscoa também pode ser uma oportunidade para falarmos com as pessoas sobre Jesus. Muitos, nessa época, querem saber a razão da celebração da Páscoa. Pode ser uma grande oportunidade para contarmos para as pessoas o que Jesus realizou por nós, ao morrer na cruz do Calvário e ao ressuscitar no terceiro dia.

Muitas igrejas têm reuniões e atividades especiais nesse dia, que podem ser aproveitadas para convidar os amigos descrentes.

Também é um bom dia para estar com a família e juntos agradecer pelo sacrifício de Jesus celebrando a Sua vitória sobre a morte.

Veja aqui: o que é a Páscoa?

Tradições da Páscoa

  • Ir à igreja – depois que ressuscitou, Jesus apareceu aos discípulos quando eles estavam juntos (João 20:19-20); também é bom partilhar a alegria da ressurreição com outros crentes.
  • Tomar a ceia – muitas igrejas tomam a ceia do Senhor no domingo de Páscoa para lembrar a ordenança que Jesus deu aos discípulos pouco antes de morrer (Marcos 14:22-24).
  • Visitar a família – a Bíblia diz que devemos cuidar das nossas famílias (1 Timóteo 5:8); muitos cristãos aproveitam as férias da Páscoa para passar tempo com a família e celebrar essa data muito especial com seus queridos.

A ressurreição de Jesus é um motivo de grande alegria. Podemos aproveitar essa data para realizarmos coisas alegres, como uma forma de louvar a Deus (Filipenses 4:4), desde que seja de maneira pura, sensata e agradável a Ele.

Leia também: o que é a Quaresma? Cristãos devem fazer?

Pr. Marcelo Teixeira Mallet
Pr. Marcelo Teixeira Mallet
Bacharel em Teologia com ênfase em Teologia Histórico-Sistemática e Aconselhamento pelo Seminário Teológico de Gramado (RS, Brasil) e Mestrando em Estudos Teológicos pelo Seminário Teológico Baptista de Lisboa (Portugal). Pastor batista desde fevereiro de 1994.