O que é Júbilo?

Júbilo é um estado de imensa alegria, felicidade transbordante. Não se trata de uma animação contida, entrar em júbilo é alegrar-se de uma maneira que não dá para esconder.

O júbilo é fruto de algo positivo, sendo impossível uma pessoa entrar em júbilo com sentimento vingança. O júbilo faz parte do Reino de Deus (Romanos 14:17). Reconhecer o que Deus tem feito em nossas vidas gera um coração grato e jubiloso (Salmos 126:2-3).

Júbilo na Bíblia

Na Bíblia encontramos muitos momentos de intensa alegria e júbilo. Quando o povo hebreu atravessou o Mar Vermelho, Moisés entoou um cântico de júbilo ao Senhor e Miriã dançou de alegria (Êxodo 15:20).

Ao trazer a arca da aliança para Jerusalém Davi entrou em júbilo, dançando com todas as suas forças. E a arca do Senhor foi carregada ao som de gritos de alegria e de trombetas.(2 Samuel 6:14-15). Além desta passagem, o rei Davi escreveu muitos Salmos de júbilo, como: Salmos 100, Salmos 66, Salmos 68 e Salmos 98.

Quando temos plena consciência da salvação em Cristo Jesus, entramos em júbilo, pois quando constatamos o amor de Deus é impossível não sentir imensa alegria. Esta alegria é resultado do Espírito Santo em nossas vidas e faz parte dos frutos do Espírito (Gálatas 5:22-23).

Veja aqui: Quais são os frutos do Espírito?

Deus é a razão do nosso Júbilo!

Em Neemias 8:10 diz que a alegria do Senhor fortalece. A alegria é uma poderosa arma dada por Deus contra as adversidades e a tristeza. Quando procuramos nos aproximar mais de Deus através da comunhão na igreja e na leitura da Palavra, fortalecemos a nossa fé e o nosso progresso em Deus resulta em alegria e esperança (Romanos 15:13).

Veja também: A alegria do Senhor é a nossa força - o que isso significa?

A alegria do mundo é passageira e tem pouca duração, o que gera mais vazio e tristeza. Já a alegria fundamentada em Jesus é permanente, duradoura e resistente às dificuldades (Mateus 7:25).

Alegrar-se em Deus é alimentar-se dos frutos do Espírito, é ser grato e reconhecer os seus feitos em nossas vidas. Isso nos dá força e ajuda a permanecermos firmes na rocha que é Jesus.