O que é avareza segundo a Bíblia

Avareza é a vontade excessiva de acumular dinheiro e obter bens materiais. Uma pessoa avarenta coloca o Reino de Deus em segundo plano e tem a riqueza como meta de vida.

A avareza - ou usura - pode levar uma pessoa a cometer outros pecados como: a mentira, a ganância, a prostituição e até mesmo o homicídio.

A avareza faz com que as pessoas se tornem mesquinhas, o popular pão-duro. A falta de generosidade gera má fama e mancha a reputação do cristão (Provérbios 22:1; Atos dos Apóstolos 20:35).

"Um abismo chama o outro" (Salmos 42:7) e por causa do dinheiro muitos caem na armadilha do Diabo. Quem ama o dinheiro nunca se satisfaz (1 Timóteo 6:9-10; Eclesiastes 5:10).

Avareza, um pecado capital

O pecado da avareza é popularmente conhecido como um pecado capital. Os 7 pecados capitais é uma tradição católica. Apesar da avareza fazer parte desta lista, não há nenhuma lista de pecados capitais na Bíblia.

Veja: Quais são os 7 pecados capitais?

"O salário do pecado é a morte" (Romanos 6:23) e todo pecado nos afasta de Deus. Não existe "pecadinho" ou "pecadão", todo pecado tem consequências e vêm do mesmo fruto: a desobediência (Mateus 5:18-19).

Através da graça de Jesus temos a oportunidade de nos afastarmos do pecado da avareza. Quando voltamos os nossos olhos para Cristo, os bens materiais e a "corrida pelo dinheiro" já não faz parte do nosso objetivo de vida (Efésios 2:8-9; 1 Timóteo 6:17-19).

Jesus e o jovem rico

A passagem bíblica sobre o jovem rico nos mostra o quanto a riqueza pode nos afastar de Deus. Certa vez um jovem encontrou Jesus e perguntou o que seria necessário para segui-lo. Cristo disse para obedecer os mandamentos (Mateus 19:17-19), logo o jovem disse obedecer a todos os mandamentos.

Depois da resposta, Jesus o desafiou a vender todos os seus bens e repartir com os pobres e então segui-lo (Mateus 19:20-21). Ao tomar conhecimento, o jovem entristecido se afastou de Jesus (Mateus 19:22-23).

Saiba mais: Quem era o jovem rico que conversou com Jesus?

Essa passagem nos mostra o quanto é difícil se desapegar ao dinheiro e seguir a Jesus. A bíblia nos diz que "ninguém pode servir a dois senhores", servir a Deus e servir ao dinheiro (Mateus 6:24).

Cristo nos aconselhou a não juntarmos riquezas na terra, mas no céu. Pois, onde está o nosso tesouro estará o nosso coração (Mateus 6:19-21). A riqueza no céu se acumula com boas obras e com um testemunho que revela a face de Cristo. Quem junta tesouro no céu é humilde e generoso, assim como Jesus.