O que são os quatro cavaleiros do apocalipse?

Os quatro cavaleiros do Apocalipse fazem parte de uma profecia sobre o fim dos tempos. Representam acontecimentos profetizados para acontecer antes do fim do mundo. Existem muitas interpretações diferentes sobre o cumprimento da profecia dos quatro cavaleiros do Apocalipse.

Na visão de João, descrita em Apocalipse 6, o Cordeiro (Jesus) tem um livro especial em sua mão, selado com sete selos. Quando ele abre cada selo, uma coisa acontece na terra. Os primeiros quatro selos enviam os quatro cavaleiros para a terra.

Leia aqui: o que são os sete selos do apocalipse?

Simbolismos no Apocalipse

Grande parte da linguagem utilizada no livro de Apocalipse é simbólica. A visão profética que o apóstolo João descreve é marcada por imagens e figuras difíceis de serem expressadas. Por isso, os números, cores, bestas, animais, estrelas, candeeiros, pedras preciosas e outros objetos são usados para representar pessoas, eventos ou verdades que serão manifestas no fim.

Todas essas referências devem ser lidas à luz de outros textos das Escrituras, que em alguns casos trazem explicações claras a seu respeito. Como por exemplo: os quatro seres viventes (Apocalipse 4:6-8) também aparecem em Ezequiel 1:5-14, ou os animais: o leopardo, urso e leão (Apocalipse 13:2) que também são mencionados em Daniel 7.

No relato dos 4 Cavaleiros podemos interpretar alguns símbolos aparentemente claros, pelo seu contexto:

significado de símbolos apocalipse capítulo 6

Para entender melhor alguns significados desse tema, leia também o Estudo do Apocalipse

Primeiro cavaleiro

O primeiro cavaleiro aparece montado em um cavalo branco, empunhando um arco e com uma coroa na cabeça, pronto para ser vencedor (Apocalipse 6:1-2). A coroa é símbolo da vitória e do poder; o arco era uma arma de longa distância, que provavelmente significa que a influência do cavaleiro terá grande alcance.

Algumas pessoas sugerem que o primeiro cavaleiro é Jesus, porque é um vencedor e vem montado em um cavalo branco, como em Apocalipse 19:11. Outras pensam que é o Anticristo, que se exaltará como um deus e terá grande poder sobre o mundo.

Veja aqui: quem é o anticristo?

Segundo cavaleiro

Quando o segundo selo é aberto, surge um cavaleiro com uma grande espada montado em um cavalo vermelho. Ele tem poder para tirar a paz e fazer com que as pessoas matem umas às outras (Apocalipse 6:3-4). A espada e a cor vermelha representam a morte sangrenta em luta armada.

O segundo cavaleiro parece ser uma representação da guerra. Jesus avisou que nos últimos tempos haveria guerras e rumores de guerras (Mateus 24:6).

Descubra aqui: quais são os sinais do fim do mundo?

Terceiro cavaleiro

O terceiro cavaleiro monta um cavalo preto e tem uma balança na mão. Quando aparece, uma voz diz o preço da comida nesse tempo (Apocalipse 6:5-6). Os preços para a comida são muito altos, o que significa que a comida será muito cara. A balança representa a compra e venda – trocas comerciais.

O terceiro cavaleiro normalmente é interpretado como a fome. Com preços tão altos, as pessoas comuns teriam dificuldades de alimentarem suas famílias. Também poderá representar crise econômica.

Quarto cavaleiro

O quarto cavalo é amarelo. Seu cavaleiro chama-se Morte e o Hades (Inferno) o segue de perto (Apocalipse 6:7-8). O amarelado do cavalo normalmente é associado à morte, porque se parece com a cor de um cadáver.

O quarto cavaleiro é o único que a Bíblia diz exatamente o que é: a morte. O último cavaleiro (ou os quatro cavaleiros juntos, dependendo de como interpretamos o texto) tem poder para matar um quarto da terra.

Veja também: o que significa Apocalipse? O que o livro de Apocalipse revela?

Quando vão aparecer os quatro cavaleiros do apocalipse?

cavaleiros sobre as nuvens do céu Apocalipse

Não sabemos quando os quatro cavaleiros vão aparecer. Alguns pensam que já apareceram ou vão aparecendo ao longo da história até culminar o fim; outras pensam que ainda vão aparecer, somente no fim. Mas, trata-se de uma verdade que só Deus sabe.

Nesse sentido, temos de ter humildade para aceitar que há interpretações complexas e alguns mistérios concernentes ao fim dos tempos. Não cabe a nós tentar determinar eventos nem fazer tratados definidos e fechados. Mesmo assim, há muitas especulações, pois há algumas figuras apocalípticas passíveis de serem interpretadas de maneiras diferentes.

Mas, de modo geral, precisamos levar em conta o gênero apocalíptico do livro, e que assim, os seus símbolos devem ser entendidos a partir desse estilo literário. Quanto ao que não é explicado com clareza pelo contexto bíblico, devemos ter muita cautela e discernimento ao tentar interpretá-lo.

O mais importante saber é que os quatro cavaleiros do Apocalipse vêm para trazer julgamento sobre o mundo, por causa do pecado. Um dia todos vamos enfrentar o julgamento de Deus. Por isso, precisamos da salvação que se encontra em Jesus Cristo.

Leia mais: Apocalipse - como a Bíblia descreve o fim do mundo?

O que aprender com essas imagens apocalípticas?

Apesar de se tratar de um tema bastante complexo, os ensinos bíblicos acerca do fim devem encorajar aos cristãos na sua caminhada de fé, amor e obediência a Deus até o fim. Também servem de alerta para os descrentes, de como serão julgados e punidos no final dos tempos. O Senhor Jesus Cristo virá outra vez aqui, em poder e glória, para buscar o Seu povo amado e julgar vivos e mortos.

Nessas figuras mais específicas de Apocalipse 6:

  • Os cavaleiros mostram-nos que Deus exercerá juízo sobre o mundo corrompido e afastado da graça de Jesus.
  • Os cavalos são símbolos que revelam a força e o poder de Deus. No tempo determinado por Ele, os juízos serão aplicados de forma veloz, potente e certeira. Nesta guerra final, já consumada na cruz, o maligno e seus seguidores serão castigados pelos seus pecados. Haverá grande tribulação no cumprimento dessas profecias.
  • Os selos falam da autenticidade do conteúdo revelado na Palavra de Deus. Os juízos de Deus são certos e dignos de toda aceitação.
  • Cristo, o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo é digno de toda confiança. Ele tem toda autoridade nos céus e na terra e é quem abre os selos. Ele exercerá juízo e justiça no cumprimento de todos decretos de Deus.

Com isso em mente, precisamos atempadamente aceitar a oferta de salvação e perdão dados por Deus, em Jesus Cristo. Se você ainda não fez isso, busque conhecer o plano de Deus para salvação, através da Bíblia sagrada!
Confie em Cristo e prepare-se para o fim...

Leia aqui: Como ser salvo?