Quem foi Jonas na Bíblia?

Jonas foi um profeta que Deus enviou à cidade de Nínive para pregar. Jonas tentou fugir de sua missão mas, depois de ser engolido por um grande peixe, ele foi para Nínive e o povo da cidade se arrependeu de seus pecados. Jonas queria que Nínive fosse destruída mas Deus mostrou compaixão.

Jonas e o grande peixe

Jonas era um profeta conhecido em Israel. Ele era de um lugar na Galileia chamado Gate-Héfer e profetizou sobre as vitórias militares do rei Jeroboão II (2 Reis 14:25). Um dia Deus mandou Jonas ir pregar na cidade de Nínive, a capital da Assíria. Deus tinha visto a maldade de Nínive e estava a ponto de destruir a cidade. Jonas deveria avisar o povo sobre a destruição vindoura.

A Assíria era um império inimigo, que ameaçava o país de Israel. Seu povo era violento e cruel e não adorava a Deus. Jonas não quis ir para para Nínive. Ele queria ver a cidade destruída. Por isso, ele embarcou em um navio que ia para Társis, na direção contrária a Nínive (Jonas 1:3).

No mar, Deus enviou uma grande tempestade, que ameaçava afundar o barco. Enquanto os marinheiros faziam tudo para se salvar e oravam a seus deuses, Jonas dormia no porão! O capitão acordou Jonas e todos lançaram sortes para descobrir de quem era a culpa da tempestade. As sortes caíram sobre Jonas e ele explicou que estava fugindo de Deus (Jonas 1:9-10).

A tempestade não se acalmava, por isso os marinheiros fizeram o que Jonas sugeriu e o atiraram ao mar. Logo o mar se aquietou e os marinheiros adoraram a Deus (Jonas 1:14-16). Jonas se afundou mas Deus mandou um grande peixe que o engoliu. Jonas ficou dentro do peixe por três dias e três noites.

Descubra aqui: Jonas foi engolido por uma baleia?

Jonas em Nínive

Dentro do peixe, Jonas orou a Deus com arrependimento e fé. Quando o peixe vomitou Jonas na praia, ele obedeceu a Deus e foi para Nínive. Durante um dia Jonas percorreu Nínive e proclamou que dentro de 40 dias a cidade seria destruída. O povo creu em Deus e se arrependeu (Jonas 3:5-6). O rei proclamou um jejum e todos abandonaram seus maus caminhos, se vestindo de luto e clamando a Deus por perdão. Deus viu isso e decidiu não destruir Nínive.

Veja também: o que é o sinal de Jonas?

Quando Jonas viu que Deus não tinha destruído Nínive como tinha avisado, ele ficou muito aborrecido. Ele se queixou a Deus por não ter castigado o povo de Nínive e pediu para morrer (Jonas 4:2-4). Jonas saiu da cidade e ficou sentado para ver o que iria acontecer.

Deus fez crescer uma planta para dar sombra a Jonas, que ficou muito feliz com a planta. Mas no dia seguinte, Deus matou a planta e Jonas ficou com muito calor. Aborrecido, Jonas pediu novamente para morrer. Então Deus mostrou a Jonas que ele estava sentindo pena de uma planta mas não das 120 mil pessoas de Nínive! (Jonas 4:10-11) Deus terminou com uma pergunta: será que Ele não deveria ter pena de todas as pessoas dessa cidade?