Dançar é pecado?

Não, dançar não é pecado. Mas em algumas situações a atitude com que você dança pode ser pecaminosa. Na Bíblia dançar está quase sempre associada a ocasiões felizes, com a aprovação de Deus.

A Bíblia fala principalmente sobre dançar para louvar a Deus. Amar e louvar a Deus é uma atitude integral: envolve nossos pensamentos, nossos sentimentos e nosso corpo (Marcos 12:30). Dançar é uma forma de usar nosso corpo para louvar a Deus.

Veja aqui: o que é louvor?

Dançar é uma forma de expressar alegria. Quem está alegre quer dançar. Na Bíblia existem vários casos de pessoas que dançaram perante Deus para mostrar alegria:

  • Miriã e as mulheres de Israel – quando o povo foi liberto do Egito, dançaram para louvar a Deus – Êxodo 15:20-21
  • Davi – quando trouxe a arca para Jerusalém, o rei dançou com toda sua força para Deus – 2 Samuel 6:14-15
  • O povo de Deus no futuro – no fim dos tempos, quando Deus restaurar seu povo, eles dançarão de alegria – Jeremias 31:13-14

Dançar para Deus não é pecado. Dançar é uma forma perfeitamente aceitável para louvar a Deus. A Bíblia até nos incentiva a dançar! - Salmos 150:4-6

Na Bíblia as pessoas também dançavam em outras ocasiões alegres, como vitórias militares (1 Samuel 18:6). A Bíblia não condena essas danças seculares. Na parábola do filho pródigo, Jesus contou que o pai fez uma festa quando seu filho voltou e nessa festa as pessoas dançaram (Lucas 15:25-27). Como o pai da história representa Deus, fica claro que dançar não é pecado.

Descubra aqui o que a Bíblia diz sobre a música?

Quando dançar se torna pecado?

Dançar se torna pecado quando leva a pessoa a cometer pecado. Em algumas situações dançar pode incentivar ao pecado. Se dançar pesa na sua consciência, então não dance (Romanos 14:22-23). Evite situações que lhe levam a pecar. Isso não significa que você não pode dançar nunca, mas que você precisa estabelecer limites de acordo com sua consciência.

Dançar é pecado quando é para:

  • Sedução – dançar errado quando é usado para despertar desejos sexuais imorais; a filha de Herodias provavelmente dançou de forma sedutora perante Herodes, levando-o a fazer uma promessa precipitada – Mateus 14:6-7
  • Idolatria – quando a dança é parte de um ritual de adoração a outro que não é o Deus verdadeiro, é pecado participar, porque é cultuar outro deus; os judeus zangaram a Deus quando dançaram para o bezerro de ouro no deserto – Êxodo 32:19

Veja também: é pecado ir na balada?

Crente pode dançar profissionalmente?

Sim, o crente que tem vocação pode dançar profissionalmente mas vai precisar de estabelecer limites. Existem muitas formas de dança que não são pecaminosas. O mais importante é procurar glorificar a Deus com seu corpo e em tudo que faz (1 Coríntios 10:31).

Como em qualquer profissão, vão haver tentações e decisões difíceis mas, com a ajuda de Deus, o crente pode superar as dificuldades e dar bom testemunho. Antes de decidir se vai dançar profissionalmente, o crente deve orar, procurando fazer a vontade de Deus (Tiago 1:5).