Quem foi Moisés na Bíblia?

Moisés foi o grande líder de Israel, que libertou seu povo da escravidão do Egito. Moisés recebeu os Dez Mandamentos de Deus e que preparou os hebreus para a conquista de Canaã. Acredita-se que foi Moisés que escreveu Gênesis, Êxodo, Levítico, Números e Deuteronômio.

Um menino especial

O faraó do Egito se sentia ameaçado pelos israelitas, por isso os escravizou e mandou matar todos os meninos. Mas uma mulher israelita escondeu seu filho num cesto no rio Nilo. A filha do faraó encontrou o menino e o adotou. Ela lhe deu o nome Moisés, que significa “tirado das águas”.

Veja aqui: quem era a mãe de Moisés?

Moisés cresceu na casa do faraó e recebeu uma educação de príncipe (Atos dos Apóstolos 7:21-22). Mas Moisés nunca se esqueceu de suas origens e se identificava com os hebreus.

Moisés foge do Egito

Um dia, Moisés matou um egípcio que estava maltratando um hebreu. Mas ele foi descoberto e fugiu com medo. Moisés foi para a terra de Midiã, onde ficou na casa de um sacerdote chamado Jetro. Ele casou com Zípora, a filha de Jetro, e teve dois filhos (Êxodo 2:21-22).

Moisés, o príncipe, se tornou num simples pastor de ovelhas durante 40 anos! Um dia Moisés viu uma sarça em chamas que não era consumida pelo fogo (Êxodo 3:1-2). Ali, Deus mandou Moisés voltar para o Egito para libertar seu povo. Moisés hesitou mas acabou obedecendo a Deus.

Israel sai do Egito

Com 80 anos, Moisés confrontou o faraó mas este se recusou a libertar os israelitas. Por isso, Deus mandou dez pragas sobre o Egito. Todos menos os hebreus foram afetados. Depois da última praga, o faraó deixou o povo de Israel partir.

Leia aqui: quais foram as pragas do Egito?

Os hebreus saíram triunfantes do Egito, mas o faraó se arrependeu e saiu em perseguição (Êxodo 14:5-6). Os hebreus ficaram encurralados entre o exército do faraó e o Mar Vermelho.

Deus então mandou Moisés erguer sua vara sobre o mar. Veio um grande vento que abriu o mar e os israelitas passaram em terra seca. Mas quando o exército egípcio os seguiu, o Mar Vermelho se fechou e todos morreram afogados. Assim, os israelitas ficaram livres de vez do poder do Egito (Êxodo 14:29-31).

Moisés, líder de Israel

Moisés levou o povo até o monte Sinai, onde recebeu os Dez Mandamentos e todas as leis para governar o povo de Deus. Mas os israelitas se rebelaram e adoraram um bezerro de ouro. Deus puniu o povo mas Moisés intercedeu por eles e Deus não os destruiu totalmente.

Veja também: quais são os Dez Mandamentos da Bíblia?

Algum tempo depois, chegaram à fronteira da terra prometida. Mas o povo ficou com medo dos habitantes e se recusou a entrar. Então Deus declarou que iriam passar 40 anos no deserto, até que toda a geração rebelde tivesse morrido (Números 14:32-34).

Durante 40 anos, Moisés liderou os hebreus no deserto. O povo era ingrato e várias vezes se rebelou contra Moisés e contra Deus. Moisés era um homem muito paciente mas ele ficava frustrado com a falta de fé do povo diante de tantos milagres (Números 12:3).

No fim de sua vida, Moisés levou o povo novamente até a fronteira da terra prometida. A nova geração não era rebelde e estava pronta para a conquista. Do monte Nebo, Moisés viu a terra prometida e depois morreu. Moisés é lembrado como um grande herói, que foi fiel a Deus e, por isso, viu grandes milagres (Deuteronômio 34:10-12).