O que Deus diz sobre livre-arbítrio?

A expressão livre-arbítrio não aparece na Bíblia, mas Deus dá ao homem capacidade de escolher e responsabiliza os seres humanos por cada um dos seus atos, mesmo nunca tendo falado especificamente sobre livre-arbítrio.

Se entendermos a expressão livre arbítrio como a capacidade que todos os seres humanos têm de escolher e tomar decisões que produzem um efeito real e alteram situações, sim, Deus fala sobre isso e podemos ler na Bíblia sobre esse tema.

Veja aqui mais sobre a definição de livre-arbítrio.

Logo no segundo capítulo da Bíblia, no livro de Gênesis, Deus fala com Adão, dizendo que ele tinha uma escolha, a de não comer o fruto da árvore do conhecimento do bem e do mal. Comendo, ele morreria (Gênesis  2:16-17).

Isso significa que segundo a Bíblia, seres humanos não são robôs mas sim seres capazes de tomar decisões reais que afetam suas vidas e as vidas de outros ao seu redor.

O livre-arbítrio e a soberania de Deus

A Bíblia nos ensina que Deus é soberano, que nada acontece que não tenha sido determinado por sua vontade (Isaías 55:11). E vemos até que o próprio Deus endureceu o coração do faraó para não deixar o povo de Deus sair do Egito. Isso parece entrar em conflito com o nosso livre-arbítrio, mas não é o caso.

A nossa capacidade de escolher e a soberania de Deus são apresentadas na Bíblia como duas verdades que, embora possam parecer contraditórias a nós, caminham, na realidade, lado a lado.

Descubra aqui mais sobre o que é a predestinação.

Então, será que somos verdadeiramente livres nas escolhas que fazemos, se Deus é soberano sobre todas as coisas? Não será isso injusto? Se Deus manda em tudo, como é que Ele pode nos responsabilizar pelas escolhas que fazemos? A resposta do apóstolo Paulo para esse tipo de pergunta está em Romanos 9:19-20:

Mas algum de vocês me dirá: "Então, por que Deus ainda nos culpa? Pois quem resiste à sua vontade?"  Mas quem é você, ó homem, para questionar a Deus? "Acaso aquilo que é formado pode dizer ao que o formou: 'Por que me fizeste assim?'"

Deus é justo e temos que confiar na justiça dele. Pode ser difícil de entender, mas estas três coisas são verdade:

  • Nós somos livres de escolher;
  • Somos responsáveis pelo que escolhemos;
  • Deus é soberano sobre tudo.

Veja também: Deus criou o mal?

O livre arbítrio e a natureza pecadora

A partir do momento em que desobedeceu a Deus, o homem não só pecou como tornou-se incapaz de não pecar. O pecado passou a fazer parte da sua natureza.

Livre-arbítrio, por isso, não significa que podemos escolher fazer ou não fazer tudo o que queremos. Nós não podemos escolher não pecar. É isso que significa ser "escravo do pecado" (Romanos 6:6).

Descubra aqui o significado bíblico de liberdade.

A boa notícia é que pelo poder do Espírito Santo, que habita naqueles que já nasceram de novo, é possível escolher não pecar (Romanos 8:7-9):

"a mentalidade da carne é inimiga de Deus porque não se submete à Lei de Deus, nem pode fazê-lo. Quem é dominado pela carne não pode agradar a Deus. Entretanto, vocês não estão sob o domínio da carne, mas do Espírito, se de fato o Espírito de Deus habita em vocês. E, se alguém não tem o Espírito de Cristo, não pertence a Cristo".