O que é uma aliança com Deus?

Uma aliança com Deus é um acordo que une a pessoa com Deus. Na Bíblia, Deus fez várias alianças com os homens. A maior dessas alianças é a aliança de salvação em Jesus.

Uma aliança é um acordo, contrato ou compromisso que une dois partidos de forma legal. Na Bíblia, uma aliança também une espiritualmente, criando uma ligação especial entre as partes. A aliança define os direitos e deveres de cada partido, as bênçãos de guardar a aliança e os castigos de a quebrar.

Dependendo do contexto, uma aliança podia ser um juramento entre duas ou mais pessoas, um tratado de paz entre dois reinos ou até a constituição de um país, definindo a relação entre o rei e seus súditos. Muitas alianças eram seladas com sangue, para mostrar que suas vidas estavam ligadas para sempre. Deus fez alianças de vários tipos na Bíblia e mostrou Sua fidelidade ao cumprir todas.

Descubra aqui: o que a Bíblia diz sobre fazer promessas?

As alianças com Deus na Bíblia

As principais alianças que Deus fez na Bíblia foram:

A aliança com a criação

Quando criou o mundo, Deus fez uma aliança, estabelecendo as leis naturais que regem a criação. Ele também colocou o homem como governador de todos os seres vivos e abençoou a terra (Gênesis 1:27-28). Deus deu bênçãos especiais ao homem mas também avisou do castigo da desobediência.

A aliança com Noé

Depois do dilúvio, Deus estabeleceu uma aliança com Noé, seus descendentes e todos os seres vivos. Ele prometeu nunca mais destruir a terra com um dilúvio (Gênesis 9:8-11). Essa aliança era incondicional, não dependia da obediência de Noé nem seus descendentes. A aliança de não destruir a terra toda com um dilúvio continua em vigor até hoje.

Veja aqui: qual é o significado do arco-íris?

A aliança com Abraão

Deus estabeleceu uma aliança eterna com Abraão, prometendo lhe dar muitos descendentes. Deus também prometeu que os descendentes de Abraão seriam seu povo especial (Gênesis 17:7-9). O sinal dessa aliança com Deus era a circuncisão dos homens.

Outra parte da aliança de Deus com Abraão foi a promessa que, através de sua descendência, todos os povos da terra seriam abençoados (Gênesis 12:2-3). Essa parte da aliança está sendo cumprida em Jesus.

Leia aqui: o que é a circuncisão na Bíblia?

A aliança com Moisés e Israel

Depois que os tirou do Egito, Deus estabeleceu uma aliança com o povo de Israel. Essa aliança colocava Deus como o rei e os israelitas como Seu povo especial (Êxodo 19:5-6). Além de confirmar a aliança com Abraão, a aliança feita por meio de Moisés estabeleceu as leis do futuro país e as regras de adoração a Deus.

A aliança com o povo de Israel vinha com condições. Se eles obedecessem, seriam abençoados, mas se quebrassem a aliança, seriam castigados. Cada geração tinha o dever de renovar a aliança com Deus e guardar Suas leis. Essa aliança ficou conhecida como a Lei de Moisés e foi renovada (e quebrada) várias vezes no Antigo Testamento.

Veja também: o que é a Arca da Aliança?

A aliança com Davi

Deus abençoou Davi por sua fidelidade, estabelecendo uma aliança com ele. Deus prometeu que Davi sempre teria descendência e que sua descendência reinaria para sempre (Salmos 89:3-4). Essa aliança se cumpre em Jesus, descendente de Davi, que reina para sempre.

A grande aliança

Jesus veio para estabelecer uma nova aliança entre Deus e os homens. Seu sangue derramado na cruz foi o sinal dessa nova aliança (Mateus 26:28). Agora todos podem ter acesso a Deus e se tornar Seu povo, sem todas as regras da Lei de Moisés.

Leia também: o que é a expiação e propiciação dos pecados?

Pela fé, cada pessoa salva entra em uma aliança com Deus. Ele promete a salvação, a vida eterna e Sua presença contínua na vida do crente. As leis de Deus são escritas no seu coração e a pessoa se torna dedicada a Deus (Jeremias 31:33-34). A aliança de Deus através de Jesus é eterna e perfeita, cumprindo todas as promessas feitas anteriormente. Deus nunca vai quebrar essa aliança!