O que a Bíblia diz sobre dinossauros?

A Bíblia não diz nada sobre dinossauros mas fala de monstros, que algumas pessoas interpretam como sendo dinossauros. A palavra “dinossauro” foi inventada há menos de 200 anos atrás, portanto não aparece na Bíblia, que é muito mais antiga.

Na Bíblia, tal como em praticamente todas as culturas, há relatos de monstros gigantes que hoje não conhecemos. É bem possível que sejam inspirados nos dinossauros, mas não podemos ter certeza se é porque ainda havia dinossauros naqueles tempos ou porque tinham lendas mais antigas sobre esses animais. A paleontologia (estudo dos fósseis) parece indicar que os dinossauros já não existiam nessa altura mas isso depende da forma como interpretamos a evidência.

Veja aqui: segundo a Bíblia qual é a idade da terra?

Onde a Bíblia fala sobre possíveis dinossauros?

  • Gênesis 1:21 – os “grandes animais aquáticos” em hebraico significam monstros aquáticos. Esses animais normalmente são interpretados como sendo dinossauros marinhos ou então sendo baleias.
  • O Beemote (Jó 40:15-24) – segundo o relato em Jó, era um animal herbívoro muito grande que vivia perto do rio. É tradicionalmente associado ao hipopótamo ou ao elefante mas tem algumas características (como a cauda grossa) que parecem indicar outro animal, possivelmente um dinossauro.
  • O Leviatã ou monstro marinho – sua descrição aparece em Jó 41:1-34. Algumas pessoas associam-no ao crocodilo mas a associação mais normal é com o mítico dragão, porque diz que cuspia fogo. É também possível que seja baseado num dinossauro marinho. O Leviatã, como o dragão, é usado em algumas partes da Bíblia como alegoria para o diabo (Isaías 27:1).

Quer saber mais sobre o Leviatã? Descubra aqui.