Por que Sodoma e Gomorra foram destruídas?

As cidades de Sodoma e Gomorra foram destruídas por causa da grande maldade do povo que morava lá. Seus pecados já não podiam ser tolerados. A destruição de Sodoma e Gomorra também serve como exemplo sobre a justiça de Deus.

Deus é bondoso e paciente, mas quando os pecados se tornam demasiado grandes, sem haver arrependimento, Ele traz castigo. Quem continua a pecar deliberadamente corre o risco de sofrer castigo repentino. Foi isso que aconteceu com o povo de Sodoma e Gomorra.

Abraão e Ló em Sodoma e Gomorra

Em certa altura de suas vidas, Abraão e seu sobrinho Ló seguiram caminhos separados. Ló se instalou na cidade de Sodoma, porque a região era muito fértil. Mas o povo da região era muito perversa (Gênesis 13:12-13).

Depois de algum tempo, os habitantes de Sodoma e Gomorra foram derrotados em uma batalha. Ló e todos os outros residentes foram levados cativos. Quando ouviu o que tinha acontecido, Abraão juntou uma tropa e salvou Ló, junto com os outros habitantes de Sodoma. O rei de Sodoma ofereceu riquezas a Abraão, em gratidão, mas ele recusou toda recompensa (Gênesis 14:21-23). Abraão não queria se contaminar com as riquezas de Sodoma!

Veja aqui a história de Abraão.

Em outra ocasião, o anjo do Senhor visitou Abraão e lhe contou que iria investigar os crimes de Sodoma e Gomorra e trazer castigo sobre o povo. Abraão pediu então por misericórdia pelas pessoas justas que moravam na região (Gênesis 18:23-25). Por isso, Deus disse que, se encontrasse apenas 10 homens justos, não destruiria Sodoma e Gomorra.

Mas não havia nem 10 homens justos! Por amor a Abraão, Deus enviou dois anjos para tirarem Ló e sua família de Sodoma antes da destruição, porque ele era o único justo nesse lugar. Ló convidou os anjos (que se pareciam com homens) para passarem a noite em sua casa.

Quando chegou a noite, todos os homens de Sodoma cercaram a casa de Ló e exigiram que ele trouxesse para fora seus dois hóspedes para serem estuprados (Gênesis 19:4-5). Ló tentou impedi-los mas os homens se tornaram violentos. Então os anjos feriram os homens de cegueira e retiraram Ló e sua família da cidade. Eles fugiram e Deus destruiu Sodoma e Gomorra.

Fogo e enxofre choveram sobre Sodoma e Gomorra, destruindo tudo (Gênesis 19:23-25). Na manhã seguinte, Abraão avistou a região de sua tenda e viu apenas uma densa fumaça subindo da terra!

Quais foram os pecados de Sodoma e Gomorra?

O povo de Sodoma e Gomorra cometeram muitos pecados, que levaram à sua destruição. Eles não morreram apenas por causa de um pecado. Eles morreram porque abandonaram completamente o bem e a justiça, se dedicando por inteiro ao pecado.

Alguns dos pecados de Sodoma e Gomorra que a Bíblia menciona são:

  • Violência e imoralidade sexual – homossexualidade e estupro – Judas 1:7
  • Falta de vergonha – eles nem sentiam necessidade de esconder seu pecado! - Isaías 3:9
  • Arrogância e desprezo pelos necessitados – Ezequiel 16:49-50

Veja também: o que a Bíblia diz sobre homossexualismo?

A destruição de Sodoma e Gomorra também serviu como exemplo. Assim como Sodoma e Gomorra foram destruídas, um dia Deus trará castigo sobre todas as pessoas. Deus fará justiça (2 Pedro 2:6). Os ímpios receberão aquilo que merecem mas Deus também tem poder para proteger os justos. Deus poupou Ló e também poupa aqueles que O amam, rejeitando o pecado que os rodeia (2 Pedro 2:7-9).