O que é a Trindade?

Trindade é a palavra que usamos para descrever Deus que, sendo um só, tem três “pessoas”: o Pai, o Filho e o Espírito Santo. A palavra Trindade, que significa mais ou menos “três em um” ou “um que é três”, não aparece na Bíblia mas é usado para explicar o conceito bíblico que Deus é um mas é três. Essa ideia é difícil de entender mas está bem presente na Bíblia (Mateus 28:19).

Veja também: o que a Bíblia ensina sobre a Trindade?

Deus é um só? Ou há vários deuses?

A Bíblia deixa claro: só há um Deus. Não existem vários deuses, apenas um, o Deus da Bíblia, que é supremo (Isaías 44:6; Romanos 3:30). A Bíblia não fala de três deuses, fala de só uma pessoa que é Deus. É por isso que chamamos o Cristianismo de uma religião monoteísta, porque acredita que só existe um Deus e não vários (panteísmo). A Trindade não é um conjunto de três deuses.

Então, Deus é um ou é três?

Deus é três em um. Sendo um, Ele tem três “pessoas” ou “identidades”. É um pouco como um ovo, que tem a clara, a gema e a casca. Juntos são o ovo mas são três partes diferentes do mesmo ovo. Como o ovo, as três “pessoas” de Deus juntas são um só Deus. Mas, diferente das partes do ovo, cada “pessoa” (Pai, Filho, Espírito Santo) é em si Deus, não apenas uma parte. Por isso é normal chamar de “pessoas”, porque cada um tem uma identidade distinta, uma função diferente. É um pouco como uma mente coletiva, três indivíduos com a mesma mente. Mas as três “pessoas” de Deus estão muito mais interligadas.

Jesus disse “quem me vê, vê o Pai” (João 14:9). Quando o Espírito Santo age na nossa vida, é a totalidade de Deus agindo em nós, através do Espírito Santo. A Bíblia constantemente mistura os três, já que quando falamos de um, falamos também de Deus no seu todo. Sabemos pela Bíblia que cada um tem algumas funções diferentes mas é difícil distinguir exatamente o Pai do Filho e do Espírito Santo, porque no final são todos a mesma pessoa (João 10:30); as suas ações nunca são completamente independentes, antes são interdependentes .

Provavelmente não é possível compreender totalmente o conceito de Trindade, porque somos seres limitados e não há nada igual a Deus para comparar (Isaías 40:18). É importante lembrar que Deus não é limitado como nós. Tal como Ele não está preso às regras do tempo e do espaço, também não é limitado pelas regras da matemática, que diz que uma pessoa não pode ser um e três ao mesmo tempo. Deus é infinitamente mais complexo que nós.